Desafios gastronômicos da hotelaria

Natal, Cidade do Sol. Cenário deslumbrante para o turismo. Mar, sol, dunas, festas, forró, diversão, descanso e lazer. Tudo em um lugar só!! Maravilha da perfeição de férias!!
 
Poderíamos brincar de #SQN!! Um desafio grande para os operadores da hotelaria, principalmente para a área de Alimentos e Bebidas (A&B). Desafio em todos os sentidos: operacional, pessoal, alimenta, vendas, rentabilidade e satisfação do gosto. Costumo dizer que: a cidade (geograficamente falando!) é contra a área de gastronomia na hotelaria. 
 
Vender um serviço “à la carte” dentro de um hotel é muito difícil, tendo em vista os hóspedes desejarem um ótimo e farto café da manhã (já incluso na diária) e as outras refeições são feitas externamente, tendo em vista o desejo dos turistas na gastronomia regional, informal, despretensiosa e cheia de nuances da cultura local.
 
Ir ao Mercado da Redinha e comer uma deliciosa “ginga com tapioca”, degustar um peixe frito na barraca da praia, comer até “escorrer pelos braços” o caranguejo no coco e depois se acabar em um pedaço de doce local ou cajus cristalizados. Dá para enfrentar esse concorrente?? Não!! 
 
Manter um equipamento grande como um hotel, com a complexidade da área de Alimentos e Bebidas, aponta um custo altíssimo para que venhamos apenas “vender um café da manhã” ou um chá com torradas no final de um dia de praia, caipirinhas, caranguejos e tapiocas! 
 
Trazer o morador local para dentro do restaurante, fazer festivais, criar um cenário diferente e atraente para o morador da cidade é um desafio grande, pois a hotelaria também já pressupõe alguns entraves: identificação ao entrar, recepção, preços aparentemente mais altos, inibem o morador e os deixa incomodado. Afinal, qual a saída? Qual é a melhor estratégia?             
 
Como se desvencilhar disso? Realmente esse desafio se torna quase insolúvel, partindo do ponto de vista da rentabilidade e do retorno do seu investimento. Todavia, confie que é possível ainda fechar bons negócios na área de eventos corporativos, sociais, acadêmicos etc. Investir na área de eventos é uma boa opção para o aumento de receita na hotelaria, especificamente em Alimentos e Bebidas. Bons eventos na cidade consomem hospedagens, coffee breaks, jantares, almoços, serviços de sala com pequenas intervenções em A&B, dinamizam a área e aumentam a receita sensivelmente. Pense nisso!
 
Aproveito o momento para desejar a todos os leitores de minha coluna, um lindo e maravilhoso Natal. Que as melhores reflexões que essa data nos trazem sejam os melhores momentos de nossa vida e que se perpetuem por todos os nossos dias!
 
Fica, aqui, minha gratidão pelo carinho que todos me dedicam e por dedicarem um momento do seu dia para essa leitura! Feliz Natal a todos!!
 

Outros Artigos

> leia mais

Comentários

Deixe seu comentário