O dolce far niente de Trancoso

Fotos: Benício Siqueira / Deguste
Se existe um lugar onde a célebre expressão italiana "Dolce far niente" é levada muito a sério - no seu sentido mais amplo - esse lugar é, sem dúvida alguma, a paradisíaca Trancoso e seu 'Quadrado' mágico. Para aproveitar alguns dias nesse éden, a pessoa precisa levar apenas roupas leves e despojadas, além de sandálias e muita, muita vontade de não fazer nada, ou seja, nada que seja de trabalho. A ordem é relaxar e aproveitar todas as belezas e encantamentos que esse lugar oferece a quem se permite conhecê-lo.
 
 
Localizada a 750 km de Salvador, no estremo sul da Bahia, Trancoso é um distrito do município  de Porto Seguro (distante apenas 40 km) e uma das vilas mais conservadas do país, que ainda preserva o traçado original da aldeia jesuíta que lhe deu origem, em 1586, denominada São João Batista dos Índios.
 
 
Descoberto no final dos anos 70 por hippies e mochileiros, Trancoso foi, aos poucos, deixando de ser uma simples vila rústica e se consolidando num dos destinos turísticos mais desejados do país, seja por turistas brasileiros ou estrangeiros, em sua maioria jovem.
 
 
E o que era apenas um conjunto de casas habitadas por 'nativos' ao redor de um gramado com uma igrejinha ao fundo, foi se transformando no famoso 'Quadrado', que hoje abriga pousadas descoladas, restaurantes moderninhos, bares com excelente programação musical, cafeterias, lojas de artesanatos e boutiques de grife famosas.
 
 
É nesse local cheio de boas energias que tudo acontece, principalmente a noite, quando o 'Quadrado' fica iluminado pela lua e por muitas velas espalhadas nas árvores e no próprio chão de terra pelos restaurantes e bares. O cenário é lindo e encantador, difícil de ser esquecido, mesmo por quem já viajou para outros países.
 
As pousadas mais afastadas do centro recebem os não hóspedes para passarem o dia usufruindo de sua estrutura à beira-mar
   
 
Todo o charme e o alto astral de Trancoso são cercados por praias belíssimas, como a Praia do Espelho e Caraívas e por uma natureza exuberante, de tirar o fôlego, com forte presença da Mata Atlântica, ainda intocada em muitos trechos.
 
O famoso Quadrado, com sua igrejinha ao fundo, reúne as principais pousadas, lojas e restaurantes de Trancoso
 
Mas não pense que Trancoso é só rusticidade. A região acomoda algumas das melhores e mais luxuosas pousadas de praia do país e condomínios de alto padrão. Os investimentos ali são pesados, feitos na sua maioria por empresários de São Paulo e por grupos estrangeiros. O Club Med Trancoso é um bom exemplo dessa sofisticação.
 
A pousada El Gordo tem um dos melhores restaurantes de Trancoso
 
A Deguste esteve em Trancoso em janeiro e passou 7 dias nesse paraíso, e traz agora um pequeno roteiro de alguns de seus principais restaurantes:
 
Risoto de frutos do mar com lagosta do restaurante Uxua
 
Uxua: pertence ao luxuoso Uxua Casa Hotel & Spa, e sua cozinha funde a tradicional culinária baiana com toques da cozinha internacional, apresentando pratos contemporâneos com muito sabor e criatividade. Destaque para os frutos do mar e seus risotos. O restaurante é muito charmoso porque suas mesas ficam espalhadas no "terreiro" do Quadrado.
 
 
Capim Santo: anexo à pousada de mesmo nome, talvez seja o mais antigo da região, funcionando há 31 anos. Na alta temporada, se não fizer reserva você simplesmente não consegue jantar, pois a casa vive lotada.
 
A pousada e restaurante Capim Santo é da família da chef Morena Leite
 
O restaurante pertence a família da famosa chef Morena leite, que abriu uma unidade do Capim Santo em São Paulo, sucesso há muitos anos. Comida baiana típica e os frutos do mar são destaques do cardápio.
 
 
El Gordo: O restaurante é muito bonito e o mais descolado de Trancoso. Ele fica numa localização privilegiada, quase no final do Quadrado, com uma linda vista para o mar. É parte da pousada homônima,e fica ao lado de uma bela piscina.
 
Sua comida é a mais contemporânea da região, até porque esse restaurante tem duas outras unidades, uma no Rio de Janeiro, no bairro do Leblon, e outra em Lisboa, Portugal. A carta de vinho é extensa, a maioria de vinhos portugueses.
 
Casquinha de siri é um dos petiscos mais pedidos em Trancoso
 
Thaicoso: Esse pequeno restaurante, de comida tailandesa, não recebe mais de vinte pessoas por jantar. Seu cardápio varia todas as noites porque só trabalha com produtos frescos, principalmente os peixes e frutos do mar. Tudo depende do que foi colhido e pescado no dia. Mas a experiência é inesquecível.
 
Silvana & Cia: Com mesas rústicas avançando pelo Quadrado e com lamparinas baixas, que dão um ar mais intimista, esse restaurante é muito procurado pelos turistas porque tem uma excelente relação custo x benefício. Sua culinária é baiana, com destaque para o camarão na moranga e outros frutos do mar.
 
Restaurante Jacaré do Brasil serve excelentes carnes
 
Jacaré do Brasil: Fora do Quadrado mas muito próximo dele, é outro restaurante de sucesso. Tem uma ambientação bonita e aconchegante com almofadas espalhadas por todas as mesas e uma iluminação sedutora, que convida para um jantar sem pressa, de preferência com a pessoa amada. Tem uns cortes especiais de carne, além de bons frutos do mar.
 
O restaurante O Cacau é muito disputado pelos turistas
 
O Cacau: Outro restaurante de ponta, que vive cheio. Tem boa estrutura para receber muita gente. Sua comida é bem feita e contemporânea, com pratos deliciosos, como o Camarão ao molho de coco verde com lascas de coco torrado, servido com arroz na folha de bananeira. A decoração também merece destaque. É aquele tipo de restaurante que você se sente bem e que gostaria de voltar. Eu fui lá duas vezes.
 

Comentários

Deixe seu comentário

voltar <