Senac traz a Natal sommélière Gabriela Monteleone

Fotos: Rogério Vital / Deguste
Gabriela Monteleone, sommelière paulista
 
Pela primeira vez ministrando curso no Nordeste, a sommelière paulista Gabriela Monteleone está em Natal até o próximo dia 29 de julho, para treinar instrutores do Senac RN. Referência nacional na área, ela foi eleita em 2012 e 2013 com a melhor do Brasil pela imprensa especializada.
 
Instrutores do Senac RN participaram de aulas com a experiente sommélière
 
A iniciativa é mais uma ação da parceria que vem sendo desenvolvida desde 2011 entre as instituições do Sistema S e o estado Alemão da Renânia-Palatinado, com o objetivo de desenvolver o turismo local.
 
O curso Técnicas para Sommelier terá 120h de duração e contará com aulas teóricas sobre história do vinho, vitivinicultura mundial, técnicas de degustação, noções de harmonização, engenharia de adega, coordenação de carta de vinhos e química do vinho. Além disso, ocorrerão vivências práticas sobre degustação técnica, harmonização e serviço de vinhos.
 
O objetivo da vinda de Gabriela Monteleone foi formar instrutores no estado para ministrar cursos na área de vinhos
 
Segundo a diretora regional do Senac em exercício, Rafaela Sampaio, o objetivo é formar os instrutores do estado que ministrarão cursos na área, ainda no segundo semestre de 2016. “Estamos formatando novos produtos educacionais para atender às demandas do segmento e a formação do nosso corpo técnico é primordial. A participação de uma profissional reconhecida nacionalmente reflete a preocupação do Senac RN em disponibilizar as melhores técnicas e processos para formação de profissionais em âmbito local”, afirmou.
 
Gabriela e a equipe de instrutores do Senac RN que fizeram o treinamento
 
Referência em capacitação profissional nas áreas de gastronomia e serviços de restaurante, o Senac possui portfólio que conta com mais de 100 cursos nos segmentos. A infraestrutura disponibilizada e os instrutores certificados e experientes estão entre os principais diferenciais da entidade, que tem cerca de 70 anos de atuação no Rio Grande do Norte.

Comentários

Deixe seu comentário

voltar <