Confraria Sociedade Amantes do Vinho viaja à bela Toscana

Fotos: Cedidas
Como acontece todos os anos, a Confraria Sociedade Amantes do Vinho (SAV), viajou, no mês de outubro, para uma região produtora de vinhos do mundo, para visitar vinhedos e vinícolas, degustando os melhores vinhos, em uma incursão enogastronômica exploratória.
 
Este ano foi a vez da Toscana, região localizada no centro da Itália, berço dos grandes Brunellos di Montalcino, Chiantis e Supertoscanos, apenas para falar dos mais importantes.
 
Foram muitas as degustações que a SAV participou
 
O ponto de partida foi a cidade de Firenze (Florença), capital da Toscana, onde o grupo se encontrou no dia 15 de outubro, para, no dia seguinte, partir em uma viagem itinerante às Denominações de Chianti Clássico, Montalcino e Bolgheri, com visitas agendadas nas Cantinas Antinori e Brancaia, em Chianti Clássico; Camigliano, MostroJanni e Castelo Banfi, em Montalcino, finalizando com um belo almoço na Enoteca-Osteria da Tenuta San Guido (Sassicaia), em Bolgheri. 
 
Saindo de Firenze em direção a Siena, a SAV visitou a moderna Cantina Antinori, onde, depois de conhecer as instalações e seus processos de produção, degustou 04 dos seus melhores vinhos: Brunello di Montalcino Pian Delle Vigne 2012, Badia a Passignano Chianti Clássico Gran Selezione 2015, Bramasole Syrah 2011 e o grande Tignanello 2014. 
 
Visita aos vinhedos da encantadoraToscana, na Itália
 
Durante o almoço no Restaurante da Cantina “Rinuccio 1180”, foram servidos os vinhos Cont’Ugo Bolgheri 2015, Guada Al Tasso 2013 Bolgheri Superiore e Vin Santo Del Chianti Clássico Merchesi Antinori. No final da tarde, o grupo chegou a Siena para uma estada de dois dias com passeio pelas enotecas e restaurantes da charmosa cidade.
 
No dia 17 pela manhã, a visita foi a Casa Brancaia, localizada em Radda em Chianti, para degustação dos vinhos Chianti Clássico, Chianti Clásico Riserva, Blue e Ilatraia (supertoscanos) e as Grapas. 
 
A confrade Deise comprando vinhos
 
Em seguida, a SAV foi à linda cidade Castellina in Chianti, para um almoço com vinhos incríveis no Restaurante Il Regallo Osteria in Castellina, e depois retornou a Siena para mais uma noite de enoteca, restaurante e bons vinhos.
 
No dia 18, a confraria partiu cedo para montar acampamento em Montalcino, onde visitou, pela manhã, a Cantina Camigliano no Borgo (pequena cidade) Camigliano, e degustou seus melhores vinhos, com almoço na Trattoria Il Pozzo (cucina casalinga) em Sant’Angelo in Colle (Motalcino). Depois visitou a Cantina MastroJanni, onde foi gentilmente recebida pelo amigo Alvise Purpura para degustação dos seus MastroJanni Rosso, Brunello, Supertoscanos e Botrys, um belo Moscato di Montalcino de vendemia tardiva. A noite, como de costume, a parada foi na Enoteca San Giorgio em Montalcino, a fim de realizar descobertas e compras de vinhos. 
 
A SAV viaja todos anos para países produtores de vinho
 
No dia 19 pela manhã, a SAV visitou o magnífico Castelo de Poggio Alle Mura (Castelo Banfi), imponente encravado no alto de uma colina para visita da Cantina, um impecável almoço com seus vinhos no La Taverna, restaurante do castelo, e uma degustação dos vinhos La Pettegola Vermentino 2016, Summus 2014 (Supertoscano) e Brunello di Montalcino Riserva 2008 Poggio Alle Mura. À noite, o grupo despediu-se de Montalcino com uma visita de muitas provas e compras na Enoteca San Giorgio e jantar no Ristorante Pizzeria San Giorgio com vinhos incríveis.      
 
Momentos de descontração da confraria
 
No dia 20, uma sexta-feira, os confrades partiram logo cedo para a pequena e charmosa cidade de Bolgheri, berço dos Supertoscanos, cumprindo a agenda de uma semana, com almoço na Enoteca-Osteria da Tenuta San Guido, que faz o famoso, caro e muitas vezes incompreendido Sassicaia. Um almoço com três pratos escoltados com os três vinhos da Tenuta, o La Difese 2016 com a entrada, o Guidalberto 2015 com o primeiro prato, e o mítico Sassicaia 2014 com o segundo prato, fechou com chave de ouro a viagem da SAV em 2017. 

Comentários

Deixe seu comentário

voltar <